Caligrafia e lettering trazem charme retrô para o design

Antes dos softwares de edição gráfica, o uso artístico de letras era feito através de um trabalho minucioso e manual. Dos tempos gloriosos de anúncios publicitários, cartazes, sinalização e convites de outrora, o lettering faz sua volta triunfal. Oposta à frieza e a banalização próprias do ambiente digital em que vivemos hoje, a técnica manual vem ocupando cada vez mais espaço no design contemporâneo. A beleza da técnica está em sua flexibilidade e facilidade de adaptação.

Embalados pela forte tendência de consumo de privilegiar o artesanal, o lettering e a caligrafia já podem ser vistos por toda parte. São uma arte que nos permite ver a beleza e o estilo das letras, evocando emoções como nostalgia, felicidade e alegria. Na onda do DIY (do it yourself, em inglês, ou faça você mesmo, português) o uso das letras ganhou força na decoração de ambientes. Paredes viram lousas e recebem palavras desenhadas em giz e quadros exibem frases lindamente desenhadas e coloridas, trazendo muita personalidade a qualquer ambiente.

Faça você mesmo

A designer Vitória Stadnik se dedica ao tema há vários anos e, desde 2016, passou a ensinar técnicas de hand lettering e caligrafia em Curitiba. A ideia é que mais pessoas possam fazer suas próprias criações. Para isso desenvolveu metodologia de ensino e de trabalho próprias, o que segundo ela são o segredo de seu curso. Durante seus estudos, buscou as referências da tipografia vernacular (usado para designar características de determinada região, seja na linguística, arquitetura ou design), contudo foi nas cores dessa linguagem onde fixou seu estilo. Sempre que possível, gosta de trabalhar com contrastes intensos e cores marcantes, como meio de chamar atenção à forma e dar ainda mais vida às suas criações, referenciando assim o tropicalismo e a alta utilização de cores presentes nos mais diversos tipos de manifestações artísticas nacionais e latinas.

A última turma de alunos de Vitória terminou suas aulas no dia 25 de julho, e a próxima já está confirmada para iniciar na segunda semana de agosto. Os alunos aprendem três tipos de alfabetos, além de estilos tipográficos, volume, grid, contraste nos caracteres e outras. Há também uma composição final que, por iniciativa desta última turma, está virando uma exposição dos trabalhos dos alunos.

Lettering e gelatos

Uma das propostas de Vitória para o Curso de Caligrafia e Lettering é o trabalho de composição final, no qual os alunos devem usar o que aprenderam para executar suas próprias criações. Aluna do curso, a designer e artista Desirée Sessegolo, abriu as portas da Gelarteria para uma exposição de trabalhos de lettering da turma. Fundada em fevereiro por Desirée e sua irmã Gisele, o espaço reúne de maneira inusitada gelatos artesanais e galeria de arte.

Serviço

Curso de Caligrafia e Lettering
Início dia 14/08
Encontros nos dias 14, 16, 18, 21, 23, 25 e 28 das 19:30 as 22:00
Investimento: R$370,00
Informações adicionais em www.villacoworking.com.br/lettering

Exposição Caligrafia e Lettering
De 12 a 25 de agosto
Aberto de terça a domingo das 13h00 às 18h00
Gelarteria – Gelato e Arte
Rua Silveira Peixoto, 601/4 – Água Verde – Curitiba – Tel.: 41 3015-1359
www.gelarteria.com.br